5 de fevereiro de 2023

Os alimentos sem glúten entraram no cardápio de muitas pessoas por causa de alguns benefícios que proporcionam. Aliás, o glúten foi apontado como o vilão do emagrecimento por alguns especialistas, o que acarretou em dietas 0% glúten.

No entanto, esse componente está inserido na maioria dos alimentos do nosso dia a dia. O famoso pãozinho no café da manhã, por exemplo, contém bastante glúten.

Será que os seres humanos se alimentam mal há centenas de anos? Com certeza precisamos investigar esse tema um pouco mais a fundo.

Vamos lá!

Alimentos sem glúten

 

O que é glúten?

Embora o glúten seja apontado como um carboidrato, na verdade ele é uma proteína. Como todo mundo sabe, ele está presente no trigo, na cevada e no centeio, assim como em diversos outros grãos por contaminação cruzada.

A contaminação cruzada é, em suma, a transferência do glúten de um alimento para outro em algum momento durante sua produção ou processamento. Assim, alimentos que não continham essa proteína, como é o caso da aveia, por exemplo, acabam por apresentarem traços em sua composição.

A finalidade principal dessa proteína é garantir a elasticidade e resistência das massas, permitindo que sejam trabalhadas sem nenhum rompimento.

Qual seu efeito no corpo humano?

O efeito no corpo humano está totalmente associado à função do glúten nas massas: quando o conjunto de proteínas chega ao nosso estômago, a massa fica com aspecto elástico, o que causa os vários problemas no sistema digestório.

Aqueles que possuem sensibilidade ao glúten apresentam várias complicações nos intestinos, alergias na pele, dor abdominal forte e até nas articulações. Portanto, pessoas com celíaca (intolerância total ao glúten) ou alergia leve devem consumir apenas alimentos sem glúten.

Porém, muitas pessoas que não possuem problemas com essa proteína optam por dietas restritivas. A razão disso é simples: a maioria dos alimentos que possui glúten também conta com alta concentração de carboidratos. Ou seja, eles são inimigos do emagrecimento.

Quais são os alimentos sem glúten?

Quando falamos em produtos crus e sem o trabalho do homem, os alimentos sem glúten são a maioria. No entanto, praticamente qualquer alimento feito pelo homem possui um pouquinho de glúten. O motivo disso é a facilidade na hora de modelar a massas.

Uma afirmação bastante genérica é: para ficar longe do glúten, basta ficar longe dos grãos e/ou produtos que levem grãos em sua composição. De fato, ele só existe nos grãos, o que facilita na hora de realizar uma dieta gluten free.

Veja uma lista de alimentos sem glúten!

Frutas

As frutas são as melhores aliadas de quem quer uma vida sem glúten. Aliás, além da enorme quantidade de frutas disponíveis no mercado, elas ainda proporcionam uma excelente qualidade de vida, previnem doenças e até ajudam a manter nossa mente centrada.

Quais frutas você deve consumir? Todas! Você nunca vai se deparar com uma fruta com glúten, pode ficar tranquilo.

Para quem faz dieta, a salada de frutas, além de deliciosa, ajuda bastante a manter a saciedade.

Legumes, verduras e tubérculos

Outro grupo que não conta com glúten é a tríade: legumes, verduras e tubérculos. Assim, você pode utilizar a farinha de mandioca no lugar da de trigo, por exemplo. Além disso, um ótimo substituto para o pão francês é a tapioca, e você até pode colocar frutas, frios e outros ingredientes em seu lanchinho.

Ovos e derivados de leite

Os ovos são livres de glúten também, assim como o leite. Porém, tome cuidado com iogurtes, pois, em alguns casos, pode ocorrer de levar aveia na mistura.

O ideal, para quem está de dieta, é aproveitar ao máximo o iogurte natural. Ele permite combinações deliciosas e saudáveis, desde o uso de mel até o incremento com frutas. Só tome cuidado com a quantidade de mel, Ok? Ele pode facilmente virar um vilão em sua dieta.

Alguns grãos

Os grãos carregam a fama de conter muito glúten, mas isso não é verdade. Aliás, você pode sim consumir alguns deles em uma dieta gluten free — e até criar pratos com eles.

Um exemplo clássico de grão para dietas é a quinoa e sua composição maravilhosa. Além disso, as sementes de linhaça, assim como o arroz, a ervilha e inhame são totalmente seguros para seu cardápio. Vale lembrar que as farinhas desses alimentos também podem entrar em sua dieta de alimentos sem glúten.

Carnes e peixes

Por fim, as carnes e peixes também são alimentos que não contém glúten, e podem ser adicionados à sua dieta sem medo. No entanto, tome cuidado com carnes gordurosas; dê sempre preferência por cortes magros, peixes e carne de frango. Assim você vai consumir o essencial, as proteínas e gorduras boas, sem se preocupar com colesterol e problemas cardiovasculares.

Uma dieta só de alimentos sem glúten é viável?

É sim, mas não é muito recomendável, pois, em resumo, você vai deixar de consumir uma boa quantidade de carboidratos, os quais fornecem energia ao nosso organismo. Dessa forma, uma dieta zero glúten só é recomendada para pessoas que realmente não podem consumir essa proteína.

Para os demais, é interessante diminuir, mas não excluir completamente do cardápio. Vamos ver alguns benefícios e malefícios de uma dieta somente com alimentos sem glúten.

Benefícios

● A maior beneficiada é a digestão, a qual passa a ser mais rápida e sem a sensação de estufamento.

● O glúten tende a andar de mãos dadas com alimentos hipercalóricos. Dessa forma, você vai ingerir muitas calorias a menos se parar de consumir alimentos com essa proteína.

● A chance de inflamação em seu corpo vai diminuir bastante, pois, em suma, é o glúten quem colabora para que elas ocorram.

Malefícios

● Por não consumir essa proteína, você pode desenvolver sensibilidade a ela após algum tempo. Ou seja, pode ser que nunca mais volte a comer pão francês novamente.

● Como seu organismo está acostumado a alimentos com bastante carboidrato, ele pode sentir falta dessa dosagem e descontar em outros alimentos, o que causa ganho de peso.

● Por fim, os produtos livres de glúten, por serem pouco procurados no mercado, apresentam preços elevados.

Prontinho, falamos tudo sobre alimentos sem glúten, assim como dietas, benefícios e malefícios dessa proteína em nosso organismo. Em caso de dúvidas, consulte um profissional da saúde!

Show Full Content
Previous Qual a diferença entre produtos naturais e produtos orgânicos?
Next O que são suplementos alimentares: benefícios e quando tomar

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close

NEXT STORY

Close

Dextrose x Maltodextrina: Qual a diferença?

6 de novembro de 2015
Close